Dieta vegana: como saber se estou consumindo a quantidade de proteína suficiente?

Tempo de Leitura: 3 minutos Dieta vegana, mas, e as proteínas? Essa é aquela pergunta clássica que todo vegetariano e vegano já ouviu! Apesar de […]

Dieta vegana, mas, e as proteínas? Essa é aquela pergunta clássica que todo vegetariano e vegano já ouviu!

Apesar de ser mais fácil do que se imagina bater a recomendação diária de proteína, muitas pessoas ainda tem dúvidas e ficam inseguras com esse assunto.

proteina vegana

Então, decidimos separar algumas informações e dicas úteis para você garantir sua cota proteica diária.

Vamos lá:

  • É importante entender que a necessidade proteica diária varia de pessoa para pessoa, de acordo, principalmente, com seu objetivo e nível de atividade física. Essa quantidade pode variar de 0,8 a 2g de proteína por kg de peso.
  • Para manutenção da saúde, cerca de 1g de proteína por kg de peso é suficiente! Ou seja, nessa condição, uma pessoa que pese 70kg vai precisar então de 70g de proteína por dia.
  • Vamos lembrar que quando falamos essa quantidade, nos referimos ao peso do nutriente proteína e não do alimento proteico em sí. Isso significa que 100g de tofu, fonte de proteína vegetal, não necessariamente terá 100g do nutriente proteína.
  • Um ponto muito importante para atingir a quantidade proteica ideal é ter um bom consumo de leguminosas. São elas: feijão, grão de bico, ervilha, lentilha e soja. O ideal é que esses alimentos apareçam, no almoço e no jantar, em uma quantidade razoável. Você também pode consumi-los em outras refeições, na forma de homus, tofu, leite de soja, suplemento proteico, entre outras opções.
  • Todos os outros alimentos de origem vegetal também vão colaborar para o total de proteína do dia, porém os principias para complementar as leguminosas são os cereais integrais (aveia, arroz, trigo, quinoa, milho…) e as sementes e castanhas (chia, linhaça, abóbora, castanha de caju…). Não deixe de consumi-las

Os suplementos proteicos também ajudam bastante nessa missão! Escolha uma opção mais clean, sem adoçantes e corantes artificiais, e consuma 1 dose ao dia.

suplemento proteico

Portanto, esse consumo não precisa estar atrelado ao treino, você pode usar no café da manhã, complementando um lanche intermediário, na ceia ou até mesmo em uma receita.

Gostou? Conheça nossa linha completa de produtos. Todos sem lactose, sem glúten e sem adição de açúcar. Experimente!

Texto escrito por:
Marcela Worcemann 
Nutricionista Esportiva e Plant Based
CRN3: 47052

Nutricionista Marcela Worcemman

Eat Clean

por

Eat Clean